18.8.09

grávido




fernando tucori, quase 36 anos.

grávido.

sei lá o que é de mim.

eu espero.

estou feito.
meu mundo já me foi dado.
estou esperando o fim de “oh, captain my captain”
pra ver se é verdade que o capitão está morto.

estou no meio.
sou hiato.

sou pleno, feliz, realizado na essência
como madame de coluna social
tentando esconder que a família faliu o é, na forma.


(eu sou amor da cabeça aos pés)

é tudo que te dou: sinceridade.
este sou eu.
falo sério quando o digo.
anota.

alá.
falta pouco.

falta
bem
pouco.

eu falo reto e digo o que se saberia só de olhar pra mim.

mas não
falo nada não.
não ainda.

não.

espero.
ainda espero.

eu sou meu sangue português
esperando o rei louco que se perdeu no mar.
a loucura, a loucura.
sem a loucura o que é o homem,
mais que a besta sadia
cadáver adiado que procria?
o mundo é bom pra quem espera dom sebastião,
o major tom da história lusitana,
ele, também
grávido.

0 comentários: